ATENÇÃO



Querido companheiro de profissão, se você se interessar por alguma postagem e não conseguir uma boa impressão envie-me e-mail que ficarei feliz em compartilhar. Abraço.
profclaugeo@yahoo.com.br

Atividades de Historia e Geografia

Nos sites abaixo você encontra todos os meus arquivos em doc word.

Visite


Entre para o grupo

Curriculo Básico Comum(CBC)

Encontre aqui o CBC, Orientações pedagógicas para suas aulas e Roteiros de atividades.
Clique no link abaixo:
http://crv.educacao.mg.gov.br/sistema_crv/index2.aspx??id_objeto=23967

28/10/2012

Atividades de Língua Protuguesa3

Atividades copiadas do blog da Dora
http://aprendaportugueson.blogspot.com.br/


Leia.
“As crianças corriam velozmente por aquela imensa floresta, onde o cantar dos pássaros e o rugir dos outros seres as tornavam temerosas”.
(...)
a)      Quais os substantivos presentes no texto lido acima?

b)      No texto há algumas palavras substantivadas. Quais são elas?

c)      Que característica é dada ao substantivo “floresta”?

d)     Como as crianças ficaram na floresta imensa?

e) A que classe gramatical pertence a palavra “temerosas”?.

Leia.
“(...) O noivo viera só. Era um moço baixo, quieto, de grossos bigodes negros e olhos mansos. Os pais tinham nascido na Ilha dos Açores e possuíam nos arredores de Porto Alegre uma quinta onde cultivavam parreiras e hortaliças.”

a)      Transcreva do 1º período um substantivo comum.

b)      No 3º período há dois substantivos próprios. Quais são eles?

c)   As palavras GROSSOS, NEGROS e MANSOS estão caracterizando alguns substantivos. Informe quais são esses substantivos.
Leia o Texto:
Ventania
(Cecília Meireles)

Aqui a ventania não dorme,
Com suas mãos crepitantes,
Seus guizos,
Seus adereços de campainha eólias.
Dia e noite vagueia pelos parques e pelas ruas,
A ventania
Sacode as alvas roupas que os lavadeiros estendem,
Inclina as flores,
Levantas folhas secas
Alise a poeira amarela
Açula gatos e cães (...)
a)      De que o autor fala no texto?

b)      Observe que no texto há algumas palavras em destaque. Pesquise o significado no dicionário de cada uma delas.

c)      Os termos “crepitantes, eólias e alvas” pertencem a qual classe de palavras? Assinale a alternativa correta.

(   ) substantivos
(   ) adjetivos
(   ) verbos

d)     Transcreva três palavras que indicam ação no texto.

e)      De qual substantivo a palavra VENTANIA é derivada?
Leia o texto.
Voo

Alheias e nossas
As palavras voam.
Bando de borboletas multicolores,
As palavras voam.
Bando azul de andorinhas,
Bando de gaivotas brancas,
As palavras voam.                (Cecília Meireles)
a)      Retire o substantivo coletivo presente na estrofe acima.

b)      Os substantivos “palavras, borboletas, andorinhas e gaivotas” classificam-se em:
(   ) comum
(   ) próprio

c)      Quais os substantivos que estão sendo caracterizados pelas palavras “multicolores, azul brancas”?
Verificação da Aprendizagem
Leia:
Eu, o livro

Sou muito especial. Minha tecnologia é insuperável. Funciono sem fios, bateria, pilhas ou circuitos eletrônicos. Sou útil até mesmo onde não há energia elétrica. E posso ser usado mesmo por uma criança: basta abrir-me.
Nunca falho, não necessito de manual de instruções nem de técnicos que me consertem. Dispenso oficinas e ferramentas. Sou imune a vírus, embora figure no cardápio das traças. Se algo em mim o leitor não entende, há um similar que explica todos os meus vocábulos.
Através de mim as pessoas viajam sem sair do lugar. Não é fantástico? Basta abrir-me e posso levá-las à Roma dos Césares ou à Índia dos brâmanes, aos estúdios de Hollywood ou ao Egito dos faraós, ao modo como as baleias cuidam de seus filhos e aos paradoxos dos buracos negros.        (...)              (Frei Betto)
Responda às questões de acordo com o texto.
a)      Nesse texto, existe um personagem que se apresenta e descreve a si mesmo. Quem é esse personagem?

b) Como se sabe que ele está falando de si próprio?

c)      Quem é o autor do texto?

d) No primeiro parágrafo do texto o autor utiliza algumas palavras para caracterizar o personagem. Retire-as do 1º e 2º períodos.

e)      O texto é narrado em qual pessoa gramatical?

f)       Qual o tipo de narrador? Personagem ou observador?





Leia:
O menino quer um burrinho
para passear.
Um burrinho manso,
que não corra nem pule,
mas que saiba conversar.
O menino quer um burrinho
que saiba dizer
o nome dos rios,
das montanhas, das flores,
— de tudo o que aparecer.
a)      Informe quantas letras e quantos fonemas há nas palavras do texto:
LETRAS                     FONEMAS
                   * menino:       .................................            ..................................
                   * burrinho:     .................................      ..................................
                   * manso:        .................................      ..................................

b)      Classifique as palavras a seguir quanto ao número de sílabas:
         conversar: .............................................
         flores: ...................................................
         aparecer: ..............................................
         não: ......................................................
Leia.
Fabrico a caixa com vento,
palavras e desequilíbrio,
e para fechá-la
com tudo o que leva dentro,
basta uma gota de tempo.
a)      Observe que na estrofe acima há algumas palavras em destaque. Classifique-as quanto à posição da sílaba tônica.
..........................................................................................................................
b)      Transcreva ainda da estrofe uma palavra polissílaba.
...........................................................................................................................
c)      Quais os dígrafos presentes nas palavras DESEQUILÍBRIO e FECHAR.
..............................................................................................................................
Leia
Em:
Um pião se equilibra
na palma da mão,
no chão, na calçada,
e alado vai rodando
por cima dos telhados,
(...)
dá três cambalhotas,
se pendura
numa estrela cadente
e, sem graça,
volta para a palma da mão.
a)      Transcreva do 2º, 3º e 6º versos do poema acima três monossílabos tônicos.
.................................................................................
b)      Separe as sílabas das palavras PIÃO, EQUILIBRA, ALADO, PALMA.
......................................................             ..........................................................
......................................................        ..........................................................


Leia o fragmento a seguir e classifique os ditongos das palavras em destaque em CRESCENTE ou DECRESCENTE.

Fabrico uma caixa mágica
para guardar o que não cabe
em nenhum lugar:
a minha sombra
em dias de muito sol. (...)

Encontre a vogal e a semivogal nas palavras destacadas no texto a seguir.
Eu1 queria ser a rosa
lá-lá-rá-lá-lá-lá-lá,
E, vivendo num jardim,
Ter besouros2, borboletas,
lá-lá-rá-lá-lá-lá-lá,
Cirandando ao pé de mim ! ...
Eu queria ser a praia3,
Ló-ló-ró-ló-ló-ló-ló.
Onde as ondas vão
4 brincar.
1.      .............................................. 2.      ..............................................
3.      ..............................................4.      ..............................................
Leia a anedota:
Um médico, um arquiteto, um advogado e um político jantavam juntos, numa noite, quando surgiu uma discussão sobre qual das profissões seria a mais antiga da terra.
- É a medicina, claro – disse o médico. – Tirando Eva da costela de Adão, Deus não fez mais do que uma operação cirúrgica. Puro trabalho de medicina.
- Absurdo! – exclamou o arquiteto. – Antes de Adão e Eva chegarem à Terra, foi preciso que lhes construíssem o Paraíso... Trabalho de arquitetura.
- Pode ser – disse o advogado. – Mas antes que surgisse o Paraíso havia o caos, e essa passagem da desordem para a lei foi puro trabalho de advocacia.
- Ah! – concluiu o político. – E quem criou o caos?      (Donald Buchweite)
Responda às questões a seguir de acordo com o texto.

1.            Observe que o texto é uma narrativa dialogada. Que elemento presente confirma essa afirmativa?

2.            Qual tipo de discurso aparece no texto?

3.            Qual o foco narrativo do texto? E o tipo de narrador?


Leia o período a seguir e mude o foco narrativo.

Chutei a bola,
Roubei laranja, banana,
Goiaba e uva,
Xinguei a professora,
Apanhei dos mais velhos,
Bati nos mais novos,
Quebrei uma dúzia de ovos,
Rachei a cabeça,
Cortei o dedo,
Tremi de medo,
(...)
Libertei um passarinho,
Fui uma história em quadrinho.
(Lalau – Infância)
1.   No período “Um médico, um arquiteto, um advogado e um político jantavam juntos”, encontram-se alguns substantivos. Transcreva-os.

2.  Qual a função sintática dos termos citados na questão anterior?
a)      adjunto adnominal               b)      sujeito           c)      objeto direto

3.            Retire ainda do mesmo período um verbo intransitivo.

4.            Transcreva do período da questão 5 um adjunto adnominal.

5.   Em “Antes de Adão e Eva chegarem à Terra” há um termo em destaque. Qual a função morfológica desse termo?
a)      substantivo                b) locução adverbial                    c)      adjetivo

6. Em “Mas antes que surgisse o Paraíso” há uma forma verbal destacada. Podemos classificá-la em:
a)      verbo transitivo direto           b)      verbo transitivo indireto        c)      verbo intransitivo

7.   A que classe gramatical pertence a expressão “- Ah!” presente no último parágrafo do texto?

 Leia:
Uma1 viúva econômica2 e zelosa3 tinha duas4 empregadas. As empregadas da viúva trabalhavam, trabalhavam e trabalhavam. De manhã bem cedo tinham que pular da cama, pois sua velha patroa queria que começassem a trabalhar assim que o galo cantasse.  (...) (Esopo)

a)      Identifique o sujeito e o predicado da oração “Uma viúva econômica e zelosa tinha duas empregadas”.

SUJEITO: ..
PREDICADO:

b)      A que classes gramaticais as palavras destacadas no texto pertencem?

c)      Retire do texto dois verbos intransitivos.

d)      Qual a função sintática do termo destacado em “De manhã bem cedo tinham que pular da cama”?

9.            Na oração “assim que o galo cantasse” há uma locução conjuntiva. Transcreva-a.

10.        Que circunstância essa locução conjuntiva exprime na oração?

As fábulas são pequenas histórias que geralmente têm animais como personagens que falam e se comportam como seres humanos, e quase sempre terminam com uma moral, isto é, um ensinamento.

O LOBO E O CORDEIRO
Um cordeiro a sede matava nas águas limpas de um regato. Eis que se avista um lobo que por lá passava em forçado jejum, aventureiro inato, e lhe diz irritado:
- "Que ousadia a tua, de turvar, em pleno dia, a água que bebo! Hei de castigar-te!"
             - "Majestade, permiti-me um aparte" - diz o cordeiro.
- "Vede que estou matando a sede água a jusante, bem uns vinte passos adiante  de onde vos encontrais. Assim, por conseguinte, para mim seria impossível cometer tão grosseiro acinte."
            - "Mas turvas, e ainda mais horrível foi que falaste mal de mim no ano passado.
            - "Mas como poderia" - pergunta assustado o cordeiro -, "se eu não era nascido?"
            - "Ah, não? Então deve ter sido teu irmão."
- "Peço-vos perdão mais uma vez, mas deve ser engano, pois eu não tenho mano."
            - "Então, algum parente: teus tios, teus pais... Cordeiros, cães, pastores, vós não me poupais; por isso, hei de vingar-me" - e o leva até o recesso da mata, onde o esquarteja e come sem processo.

A razão do mais forte é a que vence no final (nem sempre o Bem derrota o Mal). 
La Fontaine

1. Responda às questões de acordo com o texto.

a)      Quem são as personagens?

b)      O que o texto fala sobre elas?

c)      O que o lobo diz ao cordeiro quando o vê bebendo a água?

d)     O que o cordeiro respondeu ao lobo diante o que ele falou?

e)      Que fez o lobo com o cordeiro?

2. Releia o primeiro parágrafo do texto e localize as palavras que permitem caracterizar o LOBO e a ÁGUA.

3. Essa caracterização é importante para a história?

4. A forma como o lobo se dirige ao cordeiro é a mesma a ele? O que demonstra essa forma de tratamento?

5. A linguagem utilizada no texto é formal ou informal? Retire um fragmento que comprove sua resposta.

6. Reescreva as frases a seguir com outras palavras.
a) “Um cordeiro matava a sede nas águas limpas de um regato”.

b) “Seria impossível cometer tão grosseiro acinte”.

7. Uma fábula é narrada em 3ª pessoa, isto é, o narrador não participa da história, sendo portanto, um narrador-observador. Observe as falas  a seguir e informe de quem é cada uma delas.
a) Um cordeiro a sede matava nas águas limpas de um regato. 

b) - "Mas turvas, e ainda mais horrível foi que falaste mal de mim no ano passado”. 

c) - "Peço-vos perdão mais uma vez, mas deve ser engano, pois eu não tenho mano." 

d) - "Mas como poderia" - pergunta assustado o cordeiro -, "se eu não era nascido?" 

8. Que elemento o narrador usa para mostrar o diálogo entre as personagens?




1.       Leia o texto a seguir:
O LENHADOR E A RAPOSA 
        Um lenhador acordava todos os dias às 6 horas da manhã e trabalhava o dia inteiro cortando lenha, só parando tarde da noite. Ele tinha um filho lindo de poucos meses e uma raposa, sua amiga, tratada como bichano de estimação e de sua total confiança. Todos os dias, o lenhador — que era viúvo — ia trabalhar e deixava a raposa cuidando do bebê. Ao anoitecer, a raposa ficava feliz com a sua chegada.
     Sistematicamente, os vizinhos do lenhador alertavam que a raposa era um animal selvagem, e, portanto, não era confiável. Quando sentisse fome comeria a criança. O lenhador dizia que isso era uma grande bobagem, pois a raposa era sua amiga e jamais faria isso. Os vizinhos insistiam: Lenhador, abra os olhos! A raposa vai comer seu filho. Quando ela sentir fome vai devorar seu filho!
      Um dia, o lenhador, exausto do trabalho e cansado desses comentários, chegou à casa e viu a raposa sorrindo como sempre, com a boca totalmente ensanguentada. O lenhador suou frio e, sem pensar duas vezes, deu uma machadada na cabeça da raposa. A raposinha morreu instantaneamente.
     Desesperado, entrou correndo no quarto. Encontrou seu filho no berço, dormindo tranquilamente, e, ao lado do berço, uma enorme cobra morta.

a) Assinale a alternativa correta:
(    ) O texto é uma narrativa em que o narrador participa da história.
(    ) O melhor amigo do lenhador era o vizinho que tomava conta do seu filho.
(    ) Os vizinhos tinham confiança na raposa.
(    ) A inveja dos vizinhos fizeram com que o lenhador atentasse contra a raposa.

b) Como a raposa se sentia ao ver o lenhador chegando em casa?

c) O que os vizinhos diziam sempre ao lenhador? Responda com elementos do texto.

d)       Nessa narrativa, os fatos são reais ou fictícios?

e)       Qual é o enredo na narrativa em estudo?

2.       Retire de “O lenhador viu a raposa com a boca ensanguentada” o sujeito da forma verbal VIU:

3.       Qual é o tipo de predicado da oração acima?

4.       Destaque o predicativo do sujeito na oração da questão 2.

5.       Classifique o predicado das orações a seguir:
a)       Um lenhador acordava todos os dias às 6 horas da manhã.

b)       A raposa ficava feliz com a chegada do lenhador.

c)       A raposa era um animal selvagem.

d)       O lenhador chegou exausto do trabalho.

6.       Separe o sujeito do predicado e classifique-os.
a)       Dois filas correm ferozmente em minha direção.

b)       Xisto e Bruzo encontraram uma hospedaria à margem do caminho.

c)       Mirtofredo era orgulhoso e insolente.

d)       Os guerreiros saíram apavorados em direção aos gigantes.

































Texto e interpretação
UMA DAS MARIAS

Um dia, Maria chegou em casa da escola, muito triste.
— O que foi? — perguntou a mãe de Maria.
Mas Maria nem quis conversa. Foi direto para o seu quarto, pegou o seu Snoopy  e se atirou na cama, onde ficou deitada, emburrada.
A mãe de Maria foi ver se Maria estava com febre. Não estava. Perguntou se estava sentindo alguma coisa. Não estava. Perguntou se estava com fome. Não estava. Perguntou o que era, então.
— Nada — disse Maria.
A mãe resolveu não insistir. Deixou  Maria deitada na cama, abraçada com o seu Snoopy, emburrada. Quando o pai de Maria chegou em casa do trabalho a mãe de Maria avisou:
— Melhor nem falar com ela...
Maria estava com cara de poucos amigos. Pior. Estava com cara de amigo nenhum. Na mesa do jantar, Maria de repente falou:
— Eu não valo nada.
O pai de Maria disse:
— Em  primeiro lugar, não se diz “eu não valo nada”.  É “eu não valho nada”. Em segundo lugar, não é verdade.Você valhe muito. Quer dizer, vale muito.
— Não valho.
— Mas o que é isso? — disse a mãe de Maria.  — Você é a nossa querida. Todos gostam de você. A mamãe, o papai, a vovó, os tios, as tias. Para nós, você é uma preciosidade.
Mas Maria não se convenceu. Disse que era igual a mil outras pessoas. A milhões de outras pessoas.
— Só na minha aula tem sete Marias!
— Querida... — começou a dizer a mãe. Mas o pai interrompeu.
— Maria  —  disse o pai — você sabe por que um diamante vale tanto dinheiro?
— Porque é raro. Um pedaço de vidro também é bonito. Mas o vidro se encontra em toda parte. Um diamante é difícil de encontrar. Quanto mais rara é uma coisa mais ela vale.  Você sabe por que o ouro vale tanto?
— Por quê?
— Porque tem pouquíssimo ouro no mundo. Se o ouro fosse como areia, a gente ia caminhar no ouro, ia rolar no ouro, depois ia chegar em casa e lavar o ouro do corpo para não ficar suja. Agora, imagina se em todo o mundo só existisse uma pepita de ouro.
— Ia ser a coisa mais valiosa do mundo.
— Pois é. E em todo o mundo só existe uma Maria.
— Só na minha aula são sete.
— Mas são outras Marias.
— São iguais a mim. Dois olhos, um nariz...
—Mas esta pintinha aqui nenhuma delas tem.
— É...
— Você já se deu conta que em todo mundo só existe uma você?
— Mas pai...
— Só uma. Você é uma raridade. Podem existir outras parecidas. Mas você, você mesmo, só existe uma. Se algum dia aparecer outra você na sua frente, você pode dizer: é falsa.
— Então eu sou a coisa mais valiosa do mundo.
— Olha, você deve estar valendo aí uns três trilhões...
Naquela noite a mãe de Maria passou perto do quarto dela e ouviu Maria falando com o Snoopy:
— Sabe um diamante?
                                        Luís Fernando Veríssimo,  Folha de S. Paulo,  Folhinha
a)       Segundo o texto, Maria chegou triste da escola. Que motivo teria levado Maria a ficar tão triste?
...................................................
b)       Ao chegar em casa, a mãe de Maria tentou ajudá-la em vão, e informou ao pai da menina. Mesmo assim, ele insistiu e procurou ajudá-la de que forma?
.................................................
c)       Quais as duas palavras utilizadas pelo pai de Maria para tentar convencê-la de que era muito especial?
............................................
d)       O texto Uma das Marias é uma narrativa dialogada. Que elementos são utilizados para mostrar tal afirmação?............................
e)       Qual o foco narrativo do texto?
..........................................


GRAMÁTICA
a)   Informe quantos períodos e quantas orações há em “Maria nem quis conversa. Foi direto para o seu quarto, pegou o seu Snoopy  e se atirou na cama, onde ficou deitada, emburrada.”
....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
b)  Qual a conjunção coordenativa aditiva presente no 2º período do fragmento da alternativa anterior?
..................................................................................................................................................................

Leia:
(...)
Mas o doutor nem examina
Chamando o pai do lado
Lhe diz logo em surdina
Que o mal é da idade
E que pra tal menina
Não há um só remédio
Em toda medicina

Ela só quer
Ela só pensa em namorar
(...)

a) Qual a oração coordenada sindética adversativa presente na primeira estrofe do texto?

b) Transcreva uma oração coordenada sindética explicativa:

Transforme as frases a seguir no discurso indireto. Muita atenção em relação às formas verbais e SE necessário faça algumas adaptações.
a)  O professor disse aos seus alunos:  - Leiam o texto sobre a mitologia grega.

b) O trocador esfregou as mãos no rosto, em gesto de enfado e murmurou:
- Estes caras são de morte.

c)   O gerente do banco arrisca um ato de corajosa ousadia e grita:
- Seu assaltante, essa nossa funcionaria está de quatro meses.
Complete as palavras do texto com G ou J:
Certa vez, Carlinhos deu um  ....eito para fazer seu pai gostar de andar de  .....ipe porque seu tio  ....ino era um homem muito  .....entil que toda criança gostava.   Num belo ....esto, convidou-os para um  .....iro ao redor da cidade.Carlinhos foi muito  inteli.....ente para convencer seu pai - se fez de  an.....inho e encheu-o de muitos  bei....inhos, prometendo que não mexeria na  .....eléia de graviola, que sua mãe havia colocado na geladeira.       A ansiedade pelo passeio foi tão grande, que não percebeu que havia saído de casa em  .....ejum - mas não ligou - comeria algumas sementes de  .....irassóis, que seu pai levara para atrair a atenção dos papagaios, que ficavam sobre as árvores da estrada.
     
Ao longo de todo  tr......jeto, o menino fazia muita  ......inástica para se manter sentado, e isso lhe fazia sentir um pouco  en......oado. Quem não estava gostando muito do passeio era seu pai, que não disfarçava, e volta e meia se queixava dizendo que aquele tipo de veículo não fazia seu  .....ênero.

Separe o sujeito do predicado e classifique-os.
a)      Os meninos e as meninas foram à festa de aniversário.
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:                                                                      
 Classificação:
b)      Aquele rapaz viajou para João Pessoa.
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:                                                                      
Classificação:
c)      Eles não gostaram da prova de Biologia.
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:                                                                      
Classificação:
d)     O advogado defendeu o réu.
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:                                                                      
Classificação:
e)      Os políticos participam da sessão na Assembleia Legislativa.
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:                                                                      
Classificação:
f)       Polícia Rodoviária Federal confirma 87 acidentes na Paraíba.
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:                                                                      
Classificação:
g)       Beija-Flor é a campeã do carnaval do Rio de Janeiro em 2011. 
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:                                                                      
Classificação:
h)      UFCG realiza concurso de redação e artigo científico.
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:                                                                      
Classificação:
i)        Estudei bastante para aquela avaliação.
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:                                                                      
Classificação:
j)        O bebê e seus pais viajaram ontem.
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:                                                                      
Classificação:
k)      Tocaram a campainha daquela mansão.
Sujeito:                                                               
Classificação:
Predicado:      
Classificação:

Substitua o verbo HAVER pelo verbo EXISTIR:
a)      Houve muita gente no baile de fantasias.

b)      Havia uma multidão no Galo da Madrugada.

c)      Há grande massa de ar quente na região sudeste.

d)     Houve muitas notas baixas nas provas.

e)      Houve um tempo em que os idosos eram mais respeitados.

f)       Haverá dias muito quentes no verão.

            Classifique o predicado das orações em VERBAL, NOMINAL e VERBO-NOMINAL:
a)      O aluno estava preocupado com a prova.

b)      Eu vi João parado no pátio.


c)      O garoto queria encontrar a família pronta para viajar.

d)     O convidado achou a comida gostosa.

e)      Fomos ao Shopping Center Recife.

Destaque o predicativo das orações a seguir:
a)      Acordaram deprimidas com a situação.

b)      O meu vizinho estava abatido.

c)      Querem construir uma belíssima praça naquela localidade.

d)     Os meninos sorriram satisfeitos com o resultado do teste.









Leia.
AS PALAVRAS 
                                (Vanessa da Mata)

 As palavras saem quase sem querer
Rezam por nós dois
Tome conta do que vai dizer
Elas estão dentro dos meus olhos
Da minha boca, dos meus ombros.
Se quiser ouvir
É fácil perceber


Não me acerte
Não me cerque
Me dê absolvição
Faça luz onde há involução
Escolha os versos para ser meu bem
E não ser meu mal
Reabilite o meu coração (...)
a) Qual é o sujeito da oração “as palavras saem quase sem querer”?

b) Nos versos “Elas estão dentro dos meus olhos/Da minha boca, dos meus ombros” os pronomes em destaque têm a função sintática de:
(   ) pronome possessivo
(   ) adjunto adnominal
(   )pronome substantivo

c) Qual a função sintática do pronome “ME” presente na segunda estrofe do texto (2º e 3º versos)?

2. Informe se os termos em destaque são complemento nominal ou adjunto adnominal
a)      A compra do animal foi feita ilegalmente.

b)      A crítica do partido entrou em choque com seus integrantes.

c)       A notícia do acidente foi dada pelos principais sites.

d)      Os grevistas protestaram contra o aumento do governo.

e)      Minha filha tem loucura por rock.
3.             Leia.
Se me quer como amiga
Se não quer mais me ver
Você vai me esquecer
Você vai me fazer padecer
(Vanessa da Mata)

 Observe que o pronome oblíquo ME aparece algumas no fragmento lido. Assinale a alternativa que indique a sua função sintática.
a)      Adjunto adnominal
b)      Pronome oblíquo átono
c)       Objeto direto
d)      Objeto indireto
4.       Informe se os pronomes oblíquos são átonos ou tônicos.
a)      Contaram-me que te viram na praia.

b)      Maria viajará comigo no próximo sábado.

c)       Não me diga que você não vem à formatura.

d)      Disseram a ti do que aconteceu?


Espumas ao Vento (Fagner)

Sei que ai dentro ainda mora um pedacinho de mim
Um grande amor não se acaba assim
Feito espumas ao vento
Não é coisa de momento, raiva passageira
Mania que dá e passa, feito brincadeira
O amor deixa marcas que não dá pra apagar
Sei que errei tô aqui pra te pedir perdão
Cabeça doida, coração na mão
Desejo pegando fogo (...)
5.       Leia o texto e responda
a)Transcreva do fragmento acima dois pronomes oblíquos e informe se são átonos ou tônicos.

b) Na oração “Um grande amor não se acaba assim” há dois adjuntos adnominais. Transcreva-os.

c) As palavras cabeça, coração e desejo pertencem a qual classe gramatical?

6.       Informe se os termos em destaque a seguir são complementos nominais, adjuntos adnominais ou objetos indiretos.
a)      O aluno está apto à universidade.

b)      Alguns alunos foram acostumados ao estudo.

c)       O ser humano necessita de amor.

d)      A comunidade aguarda a implantação de placas sinalizadoras.

e)      As estradas da BR serão refeitas pelo governo.

7.         Leia.
“Homem é preso por caça de animais silvestres na Paraíba”
Qual o complemento nominal presente na oração acima?
8.       Leia as orações a seguir e complete com as palavras entre parênteses, fazendo a concordância adequada.
a)      A lista de convidados segue ............................ ao documento. (anexo)
b)      É ......................................... organização nos diários de classe. (necessário)
c)       A entrada é ......................................... somente aos funcionários. (permitido)
d)      Thiago e Gabriel acharam a prova ....................... difícil. (meio)
e)      Ela ....................... fará parte do conselho. (mesmo)




1.       Leia o texto a seguir:
A CIGARRA E A FORMIGA
Num belo dia de inverno as formigas estavam tendo o maior trabalho para secar suas reservas de comida. Depois de uma chuvarada, os grãos tinham ficado molhados. De repente aparece uma cigarra:
           - Por favor, formiguinhas, me dêem um pouco de comida!
As formigas pararam de trabalhar, coisa que era contra seus princípios, e perguntaram:
           -Mas por que? O que você fez durante o verão? Por acaso não se lembrou de guardar comida para o inverno?
            Falou a cigarra:
            -Para falar a verdade, não tive tempo, Passei o verão todo cantando!
            Falaram as formigas:
            -Bom... Se você passou o verão todo cantando, que tal passar o inverno dançando? E voltaram para o trabalho dando risadas.
                                                                                                                                  Fábula de ESOPO 
Moral da história:        Os preguiçosos colhem o que merecem.
Responda
1)      Retire o sujeito da oração “Num belo dia de inverno as formigas estavam tendo o maior trabalho”:

2)      Ainda na mesma oração, retire o predicado.

3)       Como se classifica o sujeito da oração?

4)      O predicado da oração é classificado em:
(    ) verbal
(    ) nominal
(    ) verbo-nominal

2.       Leia:
A RAPOSA E AS UVAS
Fábula de Esopo

Morta de fome, uma raposa foi até um vinhedo sabendo que ia encontrar muita uva. A safra tinha sido excelente. Ao ver a parreira carregada de cachos enormes, a raposa lambeu os beiços. Só que sua alegria durou pouco: por mais que tentasse, não conseguia alcançar as uvas. Por fim, cansada de tantos esforços inúteis, resolveu ir embora, dizendo:
- Por mim, quem quiser essas uvas pode levar. Estão verdes, estão azedas, não me servem. Se alguém me desse essas uvas eu não comeria.
Moral da história: Desprezar o que não se consegue conquistar é fácil.
a)      Qual é o sujeito da oração “Uma raposa foi até um vinhedo”?

b)      Que tipo de sujeito aparece em “Lambeu os beiços”?

c)       Retire o predicado da oração  “As uvas estão verdes e azedas” e classifique-o.
3.       Leia as orações a seguir, retire o sujeito e classifique-o.
a)      Uma cigarra apareceu.
b)      A safra estava excelente.
c)       O monstro e Bela eram amigos.
d)      Retornou ao palácio e encontrou Bela no chão.
e)      Levaram vários dias para que voltassem.

4.       Assinale a alternativa cujo predicado é verbo-nominal.
a) Uma viúva econômica e zelosa tinha duas empregadas.
b) O espetáculo é fashion.                      c)Achei o espetáculo clean.
d) O menino caminhava pelas ruas.       e)Os alunos caminhavam apressados.

5.       Qual das orações a seguir não existe sujeito?
a)      Há vários estudantes no show de calouros.
b)      Existiam vários alunos no show.
c)       João e Maria corriam pelo parque.
d)      Tocaram a campainha de sua casa.
e)      José tocou flauta no concerto.

6.       Complete as frases a seguir com o predicado indicado entre parênteses.
a)      João .................................................................... (pred. verbal)
b)      Os alunos ........................................................... (pred.verbo-nominal)
c)       Os funcionários ..................................................(pred. nominal)
d)      Os professores ....................................................(pred. verbal)
e)      A escola ...............................................................(pred. verbo-nominal)

1.       Nas frases seguintes, ocorre ambiguidade (duplo sentido), decorrente do emprego de pronomes pessoais. Comente essas ambiguidades e elimine-as.
a) É preciso que aja de forma coerente.
b) João disse a Pedro que ele não iria à festa de sábado.
c) José disse a Sandra que resolveria o seu problema.
d) Ele me garantiu que conseguiria a foto.
e) Sílvia disse a Maria que ela não receberia o prêmio do concurso de redação.

2.       Reescreva cada uma das frases a seguir, substituindo o termo  destacado por um pronome pessoal oblíquo átono.
a)      Entregue os documentos ao diretor.
b)      Entregue os documentos ao diretor.
c)       Envie as avaliações à professora.
d)      Envie as avaliações à professora.
e)      Indiquei o melhor livro aos alunos.
f)       Indiquei o melhor livro aos alunos.
g)      Apresentei as atividades na escola.
h)      Quitei os meus débitos.
3.       As orações a seguir estão escritas de forma coloquial. Reescreva-as de acordo com a norma padrão culto da língua.
a)      Vi ela ontem.
b)      Encontrei ele na avenida principal.
c)       A aluna deixou alguns livros pra mim ler.
d)      Está tudo acabado entre eu e você.
e)      Mandaram eu sair da reunião.
f)       Fizeram ele desistir do concurso.
g)      Trouxe eles aqui pra dar uma palestra pros alunos.

4. Reescreva as frases de acordo com o modelo.
Trouxeram alguns livros. Vou lê-los.
Trouxeram alguns livros para eu ler.

a) Apresentaram alguns modelos. Vou vê-los.
b) Enviaram exemplares de revistas. Vou analisá-las.
c) Deixaram vários vídeos sobre textos. Vou assisti-los.
d) Mandaram diversos documentos. Vou entregá-los ao diretor.
e) Trouxeram alguns presentes. Vou deixá-los na portaria do prédio.




5.       Complete as frases seguintes com a forma apropriada do pronome pessoal da primeira pessoa do singular, reescrevendo-as.
a)      Este caderno é para _________fazer minhas atividades.
b)      Não discutimos mais sobre a relação. Concluímos que não há mais nada entre ____________ e ele.
c)       É triste para ______________ aceitar tal problema.
d)      Não vá à festa sem_____________.
e)      Para _____está claro que houve desvio de informações.
f)       Quem trouxe estes doces para ______________?
6.       Complete as orações com os pronomes demonstrativos adequados.
a)      _____ bilhete que tenho em minhas mãos, foi você quem o enviou.
b)      Por que você nunca lava _________ sapato?
c)       Você conseguiu ver ________ meninos que estavam na praça?
d)      Por favor, traga-me ___ livro que está do seu lado.
e)      Por favor, ajude-me a carregar ______ pacotes ali.
f)       Traga-me ____ sacola que está _______canto da sala.
7.       Informe a função sintática dos pronomes destacados nas orações a seguir.
a)      Aquele paciente chegou muito mal no hospital.
b)      Poucas pessoas têm capacidade de acreditar no bem.
c)       Coloquem os móveis no lugar. O sol está queimando-os.
d)      Ele me cobre de glórias.
e)      Minha cabeça dói muito.
f)       Trouxeram os livros para eu ler.
g)      Escolheram-me para representar a turma.
h)      Não me pertencem os seus sonhos.
i)        Informei-lhes os preços dos produtos.
j)        Dei-lhe várias sugestões sobre o tema.


1.       Leia.
A RAPOSA E O TAMBOR

Conta-se que uma raposa esfomeada chegou a um bosque onde, ao lado de uma árvore, havia um tambor, que soava furiosamente cada vez que, ao sopro do vento, os ramos da árvore se moviam e batiam nele. Ao ouvir tal ruído, a raposa dele se aproximou e, já em frente ao tambor, pensou: "Este deve conter muita carne e muita gordura." Lançou-se sobre ele e, esforçando-se, conseguiu rompê-lo. Ao ver que era oco, disse: "Talvez as coisas mais desprezíveis sejam aquelas de maior tamanho e de voz mais forte.
AL-MUKAFA, Ibn.  Calila e Dimna.  trad. Mansour Chalita. Rio de Janeiro: Associação Cultural Internacional Gibran, s.d.  p. 13.

a) Qual o tema do texto?

b) O que a raposa pensava todas as vezes que escutava o som do tambor?

c) O que a raposa observou quando conseguiu romper o tambor?

d)  Qual foi a frase que a raposa disse quando viu que não era o que ela imaginava?

e) Marque de azul as formas verbais encontradas no texto.

f)  Em que tempo verbal passa a história A raposa e o Tambor?

g) Como ficaria o período “Uma raposa esfomeada chegou a um bosque” pondo no tempo pretérito imperfeito?

h)  Passe a oração “Os ramos da árvore se moviam e batiam nele” para o futuro do presente.
2.       LEIA.
A AVÓ DO MENINO
Cecília Meireles

A avó
vive só.
Na casa da avó
o galo liró
faz "cocorocó!"
A avó bate pão-de-ló
E anda um vento-t-o-tó
Na cortina de filó.  (...)
a)      Sublinhe os verbos.

b)      Em que tempo verbal o texto está escrito?


c)       Reescreva o texto, passando os verbos encontrados para o pretérito perfeito.


3.       Leia o texto a seguir, destaque os verbos e informe a que conjugação pertencem. (1ª, 2ª ou 3ª).

MOTIVO
Cecília Meireles

Eu canto1 porque o instante existe2
e a minha vida está3 completa.
Não sou4 alegre nem sou5 triste:
sou poeta.

Irmão das coisas fugidias,
não sinto6 gozo nem tormento.
Atravesso7 noites e dias
no vento.
(...)

4. Coloque a pessoa e o verbo que aparece no texto
1.       .........................                             5. .........................
2.       .........................                             6. .........................
3.       .........................                             7. .........................
4.       .........................


5.       Dê o infinitivo das formas verbais a seguir, e informe se indica ação, estado ou fenômeno da natureza.
a)      Espero que muitos pais venham à reunião.

b)      Pense antes, aja depois.

c)       É importante que encontremos saída para os problemas.

d)      Ventou muito hoje.




6.       Indique os tempos das formas verbais destacados no texto.
A menina era(.............................) só alegria.
Era a primeira vez que iria(................................) à cidade, vender o leite de sua querida vaquinha.
Colocou (........................................)sua melhor roupa, um belo vestido azul,epartiu (..................................)pela estrada com a lata de leite na cabeça.
Ao caminhar, o leite chacoalhava(........................................) dentro da lata.
A menina também, não conseguia(......................................) parar de pensar.
"Vou vender o leite e comprar ovos, uma dúzia."
"Depois, choco(..............................) os ovos e ganho (..........................)uma dúzia de pintinhos."

    7-  Leia esta tira, de Angeli:
http://2.bp.blogspot.com/-WFdUwSJML_E/ToZs-6KNCxI/AAAAAAAAAP8/7vdO5kB-4ks/s400/tira.JPG
a)      Na tira, alguns amigos estão conversando. No 1º balão, há uma palavra que explica outra mencionada anteriormente.

b)      Quais os adjetivos que estão acompanhando os substantivos COMIDA e TAPETE, presentes no 3º e 4º quadrinhos?
.      Leia.
http://1.bp.blogspot.com/-UHXnFnlPH98/ToZvKlX-keI/AAAAAAAAAQE/HSjItNr349s/s400/cascao.JPG
a)      Quem é o locutor do primeiro quadrinho? E o interlocutor?

b)      Qual é a função dos termos “CASCÃO” e “MÃE”?

9.    Qual das orações a seguir o termo em destaque não é um aposto.
a)      Bem-vindo a Monteiro, a cidade do forró.
b)      Monteiro, interior da Paraíba, é vasta em ecoturismo.
c)       Estejam presentes, professores, na reunião de sábado.
d)      Gente miúda, as crianças têm uma energia contagiante.

10.  Assinale a alternativa cujo termo destacado possui a função de aposto.
a) Bradesco – o Banco que tem soluções para estar lado a lado com você.
b)  “Significa que é aqui que nós moramos agora, Bruno”.
c)  Neymar é o jogador mais completo da seleção.
d) Vampiros, sanguessugas e mensaleiros surrupiaram dos cofres públicos de 41 bilhões a 69 bilhões de reais por ano
11. Destaque o vocativo na tira a seguir.
http://2.bp.blogspot.com/-rKs64ejLsJY/ToZwjl8UtgI/AAAAAAAAAQM/hkD3uzB9rzA/s400/Nova+Imagem.png
12. Complete o fragmento a seguir com as palavras entre parênteses fazendo a concordância nominal adequada.
O poeta vai tirando da vida  os seus poemas  como pássaros.......................... (desobediente) e ................(amestrado)

13.Destaque o complemento nominal das orações abaixo.
a)      A habilitação de motoristas é fundamental para um trânsito seguro.
b)      A educação busca a formação de jovens advogados.
c)        Há pessoas que não têm uma compreensão do mundo atual.
d)      As crianças têm necessidade de uma boa alimentação.

9. Leia.
Lagoa (Carlos Drummond de Andrade)

Eu não vi o mar.
Não sei se o mar é bonito,
não sei se ele é bravo.
O mar não me importa.

Eu vi a lagoa.
A lagoa, sim.
A lagoa é grande
e calma também. (...)
a)      Transcreva do poema acima os adjetivos.

b)      Qual a função sintática das palavras “BONITO, BRAVO, GRANDE e CALMA”?

c)       Indique a que termos estão se referindo no texto.

10.  Leia este poema de Pedro Bandeira.
Bete tem três gatinhos.
Um foi ao cinema, ficaram dois.
Bete tem dois gatinhos.
Um foi tomar banho, ficou só um.
a)      Transcreva da estrofe acima os numerais.

b)      Qual a função sintática das palavras que foram destacadas?

c)       A que termo da oração essas palavras estão se referindo?


1.       Leia:
Cotidiano
Chico Buarque

Todo dia ela faz
Tudo sempre igual
Me sacode
Às seis horas da manhã
Me sorri um sorriso pontual
E me beija com boca
De hortelã(...)
No fragmento acima, a colocação do pronome oblíquo não está de acordo com a língua padrão da língua. Corrija.


2.       Marque as orações corretas e corrija aquelas cujos pronomes oblíquos não estão de acordo com a língua culta.
a)      Há tempo que não vejo-o.
b)      Naquele momento disse-me que não viria a Monteiro.
c)       Quem lhe contou a história?
d)      Me diga o porquê do silêncio.


3.       No fragmento a seguir observe a colocação do pronome oblíquo e informe se é uma próclise, ênclise ou mesóclise.
Lembras-te das pescarias
Nas pedras das Três-Marias
 Lembras-te, Marina? 
4.       Leia as frases a seguir e coloque a crase onde for necessário.
a)      Fomos aquela cidade no interior da Paraíba.
b)      Fui a Recife, mas não demorei.
c)       Deram um presente a professora.
d)      Há pessoas alérgicas a medicamentos.

5.       Preencha as lacunas das frases abaixo e assinale a alternativa CORRETA.
Os meninos foram ..... pé para o treino.
João foi disposto ......... conversar com os pais.
As pessoas gostam de ir ........ Itália.
Vim ...... Monteiro anos atrás.
a)      a – a – à – à
b)      à – à – a – a
c)       a – a – à –a
d)      à – a – à – a

6.       Leia:
A galinha-d'Angola. /    Vinícius de Moraes

Caixa de texto: Não para
De comer
A matraca
E vive
A reclamar
Que está fraca:
 - "Tou fraca! Tou fraca!"

Coitada
Da galinha
D'angola
Não anda
Regulando
Da bola



a)      Na poesia lida há um verbo que se encontra no gerúndio. Retire-o.

b)      Qual a classificação da forma verbal “VIVE” presente no texto?

7.       Leia.
As abelhas

A aaaaaaabelha mestra
E aaaaaaas abelhinhas
Estão toooooooodas prontinhas
Pra iiiiiiir para a festa.

Num zune que zune
Lá vão pro jardim
Brincar com a cravina
Valsar com o jasmim.
a)      Transcreva da segunda estrofe um verbo regular.

b)      A que verbo pertence a forma verbal VÃO presente na 2ª estrofe?

c)       O verbo IR presente na primeira estrofe é:
(    ) regular        (    ) irregular      (    ) anômalo     (    ) defectivo    (    ) abundante

8.       Reescreva as frases, empregando a flexão apropriada dos verbos indicados:
a)      ......................... a atitude de vocês em relação ao estudo. (Rever – imperativo)
b)      Esses objetos não ............................ dentro da caixa. (caber – presente indicativo)
c)       Quando .......................... do resultado ficará feliz. (saber – futuro subjuntivo)
d)      Se ............................ a verdade, seria compreendido por todos. (dizer – pret.imperfeito subjuntivo)

9.       Observe as formas verbais e classifique-os em RIZOTÔNICAS ou ARRIZOTÔNICAS.
A)     encontro .........................                 B)      pensarei ..........................
C)      lavar ................................               D)     diga .................................
E)      falaria ..............................

Leia.

Que barulho estranho,
vem lá de fora,
vem lá de dentro?! 
Que barulho medonho 
no forro, no porão,
na cozinha,
ou na despensa!...
a) Na primeira estrofe do poema, há um adjetivo. Transcreva-o.

b) Qual o adjetivo presente na segunda estrofe e a qual substantivo está se referindo?

c) Retire os substantivos presentes na segunda estrofe.

1. Na oração “A mãe olhou para o filho com amor” há uma locução adjetiva. Transcreva-a. 

2. Leia o poema de Gonçalves Dias.

Minha terra tem palmeiras,
Onde canta o Sabiá;
As aves que aqui gorjeiam,
Não gorjeiam como lá.
Nosso céu tem mais estrelas,
Nossas várzeas têm mais flores,
Nossas vidas têm mais vida,
Nossa vida mais amores.” 
a) Quais os pronomes que estão presentes no poema aolado? Classifique-os.

b) A que pessoas gramaticais pertencem esses pronomes?


3. Informe se as palavras em destaque são pronomes ou artigos.

a) Emprestei o livro àquela aluna.

b) Eu não o encontrei.

c) Convidei-o para uma grande festa.

d) A mãe pediu para o filho ter paciência.

e) O menino convidou-a para assistir ao filme. 


4. Observe as orações abaixo com atenção e diga se os pronomes oblíquos são átonos ou tônicos.

a) Os alunos enviaram uma carta para mim.

b) Não me disseram o que tinha acontecido.

c) Gosto muito de ti.

d) Trago-te uma rosa.

e) Eles viajarão contigo. 
5. Diga qual o tipo de pronome que aparece nas orações a seguir.

a) Ninguém foi à festa de aniversário.

b) Estas flores são para as diretoras.

c) Aquela conversa dos alunos é impertinente.

6. Relacione as colunas corretamente.

a) Século                  (   ) período de cinco anos
b) Década                (   ) período de cem anos
c) Milênio                 (   ) período de dez anos
d) Qüinqüênio          (   ) período de quatro anos
e) Quadriênio           (   )período de mil anos 
 1. Leia:

Uma Palmada Bem Dada

É a menina manhosa
Que não gosta da rosa,
Que não quer a borboleta
Porque é amarela e preta,
Que não quer maçã nem pera
Porque tem gosto de cera,
Porque não toma leite
Porque lhe parece azeite   (...)
a) No texto ao lado há alguns adjetivos. Retire-os.

b) Informe a quais substantivos estão se referindo no texto.

2. Leia as orações e retire os complementos nominais.

a) Os pais estavam à espera dos filhos.

b) As crianças têm curiosidade por objetos desconhecidos.

c) Estamos contentes com os testes.

d) O povo tem amor à cidade.

e) O público é ávido por informações.
3. Leia:

A avó

A avó, que tem oitenta anos,
Está tão fraca e velhinha! . . .
Teve tantos desenganos!
Ficou branquinha, branquinha,
Com os desgostos humanos.
Hoje, na sua cadeira,
Repousa, pálida e fria,
Depois de tanta canseira:
E cochila todo o dia,
E cochila a noite inteira.
a) No primeiro verso há dois adjuntos adnominais. Transcreva-os.

b) Quais os predicativos presentes no 2º, 4º e 7º versos.

c) A que palavra esses termos estão se referindo no texto?

4. Retire das orações que se seguem os adjuntos adnominais e os substantivos que se relacionam:

a) A amiga enviou duas cartas durante o ano.

b) Os bons alunos saíram de férias.

c) A secretária comprou dois quilos de carne de boi.

d) O prefeito não conseguiu a aprovação do projeto.

5. Assinale a alternativa em que o termo destacado não é um predicativo.

a) Os alunos estavam alegres quando o professor chegou.

b) A voz do cantor era poderosa.

c) As grandes cidades têm problemas imensos.

d) O rapaz encontrou o casaco molhado.

6. Circule o aposto das orações abaixo.

a) Gilberto Gil, músico e compositor, continua criativo e iluminado.

b) O músico e compositor, Gilberto Gil, continua criativo e iluminado.

c) Tudo pode ser resumido numa única palavra: incompetência.

d) A cidadania, essa ilustre desconhecida, ainda passa ao largo de muitas mentes brasileiras.

e) Pintor paulista, Portinari é mundialmente conhecido.
7. Informe se o predicativo das orações é do sujeito ou do objeto.

a) Noel Rosa deixou uma obra riquíssima.

b) Os alunos voltaram exaustos do musical.

c) A vida é muito delicada.
d) Os pais compraram um livro amassado.

e) O salvador da pátria acabou cansado.


1.  Leia:

A Bicharada

Olha o rouxinol rimando outra vez
Mudando as palavrinhas de lugar
A ovelhinha Lana é tão quietinha
É só olhar para ela
Que dá vontade de ninar
O Jubaldo cara de leão
Não fique com medo desse jubão
Ele e o Maquito tem um grande coração
A língua que eles falam
Ninguém sabe ler
Só sei que eu entendo
O que eles querem me dizer.
a) Quais os substantivos próprios presentes no texto?


b) Em “O Jubaldo cara de leão” há uma locução adjetiva. Retire-a.


c) Qual o adjetivo presente em “A ovelhinha Lana é tão pequenina”?

2. Leia:

Teresinha de Jesus

Terezinha de Jesus deu uma queda
Foi ao chão
Acudiram três cavalheiros.
Todos de chapéu na mão
O primeiro foi seu pai
O segundo seu irmão
O terceiro foi aquele
Que a Tereza deu a mão
Quanta laranja madura
Quanto limão pelo chão
Quanto sangue derramado
Dentro do meu coração
Terezinha levantou-se
Levantou-se lá do chão
E sorrindo disse ao noivo
Eu te dou meu coração
Da laranja quero um gomo
Do limão quero um pedaço
Da morena mais bonita
Quero um beijo e um abraço


a) Quais os numerais presentes no texto lido?

b) Como se classificam esses numerais?

3. Dê o adjetivo correspondente a cada locução adjetiva.
a) de pai .........................................................
b) de guerra.....................................................
c) de irmão......................................................
d) de anjo........................................................
e) de águia.......................................................

4. Observe as frases a seguir:
1. O mundo é tão esquisito: tem mosquito.
2. A foca alegre salta nas águas do parque aquático.
3. Era uma casa muito engraçada.
4. O salto do tigre é rápido.

Observando a sequência das palavras destacadas nas frases, temos:
a) substantivo – substantivo
b) adjetivo – adjetivo
c) adjetivo – substantivo
d) substantivo - adjetivo

5. Escreva por extenso os numerais a seguir:
a) 65 .............................................................................
b) 150 ...........................................................................
c) 78 .............................................................................
d) 260 ............................................................................
e) 345 ............................................................................

6. Quais as palavras substantivadas presentes na oração “Você não responde nem um sim nem um não”?

7. Retire os artigos e dê a classificação nas orações abaixo:
a) Uma criança vagava pelas ruas.

b) Os meninos corriam na estação de trem.
8. Leia.
Hoje um anjo pousou
em meus olhos:
eu caminhava,
e de repente,
tudo ficou
tão leve e alado,
havia em todos,

nas ruas e nas casas,
um desejo de querer bem,
de repartir o pão,
de inventar jardins
e gestos delicados.
Todos amavam todos
numa ciranda infinita,
que dava a volta no mundo
fazendo um anel de luz.
· Quais as preposições e contrações presentes no texto lido?




1.       Indique as frases em que o pronome está colocado em desacordo com a variedade padrão. Em seguida, reescreva-as, adequando a colocação pronominal a essa variedade.
a)      Deveríamos saber quem enganava-nos.
b)      Muito se sabe sobre determinado assunto.
c)       Que Deus ilumine-o!
d)      Agora, se deite e durma tranquilamente.
e)      Me acordei assim que o despertador tocou.
f)       É verdade que ele te contou a história?

2.       Reescreva as frases a seguir, fazendo as alterações indicadas entre parênteses e observando a colocação pronominal própria da variedade padrão.
a)  Emprestei-lhe todos os livros de gramática. (emprestarei)
b) Chamá-lo-ei para fazer a atividade de português. (coloque a frase na forma negativa)
c)  Conversei com o rapaz. O rapaz falou-me que não aceitava desculpas pelo ocorrido. (junte as frases e empregue o pronome relativo QUE)
d)  Bruna enviou-lhe esse bilhete de recados. (troque Bruna por QUEM e coloque a frase na forma interrogativa)
 3.       Identifique a colocação pronominal, indicando se é um caso de próclise, ênclise ou mesóclise.
a)      Quando os alunos chegarem, mande-os entrar.
b)      Quem nos enviou essas fotos?
c)       Ninguém me falou do que tinha acontecido com você.
d)      Perguntar-lhe-ei se irá à praia amanhã.
e)      Mande-a entrar.
f)       Irei encontrá-los depois da festa.
g)      Se João quisesse, levar-te-ia ao shopping.
h)      Não me deixes sozinha.
4.       Reescreva as frases empregando os pronomes oblíquos entre parênteses.
a)      Pedirei o seu endereço. (lhe)
b)      Diga o seu nome e direi o meu. (me)  (lhe)
c)       Tenho certeza de que conhecia. (o)
d)      Nunca falaram mal de você. (nos)
e)      Encontrarei na escola à noite. (te)

5.       Reescreva as frases a seguir, substituindo as palavras em destaque por pronomes pessoais do caso oblíquo. Faça a colocação adequada.
a)      Encontraram os pais preocupados.
b)      O namorado recebeu a menina com entusiasmo.
c)       Devolva o dinheiro ao seu colega.
d)      Quem convidou o diretor?
e)      Colocarei as revistas na estante amanhã.
6.      Destaque o predicativo nas orações e informe se é do sujeito ou objeto:

a)      O rapaz está apaixonado.
b)      Aquela menina provou a maçã estragada.
c)      As crianças acham Patati e Patatá engraçados.
d)      O controle remoto está sujo.
e)      Os pais estão felizes.
2.      Leia:

TEMPESTADE

O vento ventão
Com voz de trovão
Acende uma luz de medo
No meu coração.
Será que já vem tempestade?
Será que vai inundar a cidade?

Que bom que só caiu
Uma chuva fininha
E o vento grosso
Se transformou em brisa pequenininha.

O vento ventinho
Com voz de sininho
Faz um carinho
Nas minhas mãos.
Roseana Murray
a)      Qual é o sujeito da oração “caiu só uma chuva fininha”?

b)      Quais as palavras que acompanham o sujeito?

c)      A que classe gramatical pertencem as palavras que acompanham o núcleo do sujeito? Qual a função sintática de cada uma?

3. Transforme o verbo em substantivo, reescreva as frases e identifique os complementos nominais.
a)      A criança necessita de diversão.                                    b)      Ela sempre gostou de filmes.
c)      O mundo necessita de pessoas honestas.                    d) Os filhos necessitam de diálogos.

4.      Transforme o verbo transitivo em substantivo.
a)      Formar turma habilitadas.                                               b)      Aprovar o projeto ambiental.
c)      Compreender as dificuldades do ser humano.               d)      Divertir as crianças.
e)      Destruir a natureza.                                                         f)       Amar a pátria.

5.      Retire os adjuntos adnominais das orações seguintes.
a)      Esta pequena loja vende belíssimas jóias.
b)      Aquela sandália branca é muito confortável.
c)      Estas flores são lindas.
d)      Essas plantas de água criam pernilongos.
e)      O sol da manhã é mais saudável.

1.       Identifique os complementos nominais das frases a seguir. Depois reescreva-as, transformando o substantivo destacado em verbo, e identifique os complementos verbais.
EX: As pessoas fizeram críticas aos comentários.  (C.N: aos colegas)
As pessoas criticaram os comentários. (O.D: os comentários)

a)      Todos nós temos necessidade de amigos.

b)      Os pacientes sempre mantêm a esperança de cura.

c)       A secretária fez comentários de agravo.

d)      A mãe fez um pedido de transferência.

e)      Podemos ter confiança em vocês?

f)       Aquele filme é interessante para as crianças.

g)      Augusto têm interesse na leitura.

h)      Toda criança tem direito à alimentação.




1.       Separe o predicado do sujeito e classifique o verbo em transitivo ou intransitivo.
a)      O aluno levou um estilete para a sala.

b)      O adolescente bateu a porta.

c)       Não irei a João Pessoa.
d)      Os bandidos fugiram da cidade.

e)      Casais sempre discutem.

f)       A esperança mora em cada brasileiro.

g)      O aluno entendeu o assunto.

h)      O Brasil participará da Copa 2014?

i)        Os brasileiros confiam na Seleção.

j)        Os meninos gostam muito de futebol.

k)      O padre reforma a Igreja.

l)        Viajaram logo cedo.


2.       Retire das orações o objeto direto.
a)      Minha filha comprou uma blusa azul.

b)      Os caçadores armaram a rede sob as árvores.

c)       Josefa trocou a água das plantas.

d)      Mariana guardou o celular.

e)      No fim de ano, rasguei muitos papéis inúteis.

f)       Quebrei a taça nova.

g)      Roubaram a pulseira de brilhantes.

h)      Os alunos sujaram a toalha da mesa.

i)        Construí uma estante no lavabo.

j)        Laura ganhou um presente.

k)      Marina perdeu a inscrição do vestibular.

l)        A menina vestiu o uniforme novo.

m)    O aluno perdeu o livro de Ciências.

3.       Leia as orações a seguir, retire o verbo e seu complemento, classificando-os em objeto direto, indireto ou direto e indireto.
a)      Comprei uma resma de papel.

b)      Os caminhões transportam gado nobre.

c)       Eles bateram no colega.

d)      Os idosos necessitam de carinho.

e)      O professor corrigiu as atividades.

f)       A direção puniu os alunos.

g)      Assistimos ao filme de terror.

h)      Os brasileiros gostam muito de novelas.

i)        A mãe deu muitos beijos em seus filhos.

j)        O namorado ofereceu flores à namorada.
1.       Complete as frases com a ou à.

a)      Vou ........ escola e ........ feira.
b)      Devolva ........ ficha ......... atendente.
c)       Mostre-nos .......... calça que você ganhou.
d)      Peça desculpas ....... supervisora e vá .......... sala de aula
e)      Você irá ......... reunião de pais?
f)       Entregue ............. prova ............ professora.
g)      O rapaz disse .............. namorada que voltaria tarde.
h)      ............. turma deu uma rosa .............. diretora.


2.       Complete as frases com aquele, àquele, àquela, àquelas, àqueles,aquelas.

a)      Entregou essa carta ................ moça.
b)      Refiro-me .............. meninas e não a essas.
c)       Pegue ................. envelopes e guarde-os na gaveta.
d)      Devolva as avaliações .................... candidatos.
e)      Você vai ........................ shopping?
f)       Chame .................... pessoas que estão aguardando na fila.
g)      Mostre ..................... senhora onde fica a loja de informática
3.       Complete os espaços em branco com a ou à.

a)      Meus parentes foram ....... Europa.
b)      Iremos ................ Recife no próximo feriadão.
c)       Gostaria de ir .............. Campina Grande e ............ João Pessoa.
d)      Não fui .............. festa de inauguração da loja.
e)      Os jovens querem ir ........ São Paulo.
f)       Há anos não vou .............. Floresta em Pernambuco.
g)      As famílias vão ................. missas dominicais.

Predicativo do sujeito é o termo que indica qualidade ou estado do sujeito por intermédio de um verbo de ligação.
1.       Identifique os predicativos do sujeito que aparecem nas orações abaixo.
a)      O aluno entrou feliz na escola.
b)      Ele ficou triste com o resultado da avaliação.
c)       O rio Paraíba está muito poluído.
d)      A menina estava sorridente.
e)      A atividade estava fácil.
f)    Os professores não ficaram satisfeitos com o movimento
Predicativo do objeto é o termo que indica qualidade ou estado do objeto por intermédio de um verbo transitivo.
2.       Identifique os predicativos do sujeito que aparecem nas orações abaixo.
a)  A comissão considerou o candidato inapto para a profissão
b)      A direção achou interessante o texto do aluno.
c)       Os alunos acharam o teste difícil.
d)      A corrida deixou os atletas cansados.
e)      A aprovação deixou o menino satisfeito.
f)       O juiz considerou aquele réu culpado pelo crime.

Adjunto adnominal é o termo que modifica um substantivo, qualquer que seja a função exercida por ele na oração.
3.       Indique os adjuntos adnominais presentes nas orações.
a)      Percorro uma longa estrada de terra.
b)      Muitos alunos compareceram à escola.
c)       Dois jogadores foram expulsos do jogo.
d)      Nossos alunos são inteligentes.
e)      O tempo chuvoso não atrapalhou minha viagem.
f)       Os jovens brasileiros participam de muitos campeonatos mundiais.
4.       Classifique os termos destacados em (PS) predicativo do sujeito, (PO)predicativo do objeto e (AA) adjunto adnominal.
(    ) Aquela situação foi constrangedora.
(    ) No primeiro dia de aula, os alunos voltaram animados.
(    ) Nosso time foi campeão brasileiro.
(    ) O casal amparou a criança abandonada.
(    ) Alguns pais faltaram à reunião.
(    ) A menina ficou emocionada com a surpresa.
(    ) O diretor encontrou os funcionários atarefados.


1.       Leia:
Adeus ano velho

Cento e doze mil balões amarelos, verdes, azuis e brancos no Pátio do Colégio, Centro da Capital, para festejar o fim de 2006. No chão, eles formavam o desenho da bandeira do Brasil.        (Diário de São Paulo, 2006)
a)      Dê a classe gramatical que pertence a palavra destacada no texto.
.
b)      Quais as características dadas à palavra balões?
.
c)       Qual a classe de palavras que pertencem estas características?
.
d)      Qual a locução adjetiva presente no último período do texto?

2.       Escreva o adjetivo que corresponde a cada locução adjetiva.
a)      de aluno................................................
b)      de anjo .................................................
c)       de bispo................................................
d)      de boca.................................................
e)      de cabelo..............................................
f)       de cidade..............................................
g)      de coração...........................................
h)      de dia...................................................
i)        de estômago........................................
j)        de gato ................................................

3.       Adjetivo pátrio indica a nacionalidade, a pátria, o lugar, a procedência dos seres em geral. Indique-os.
a)      África................................................
b)      Europa..............................................
c)       Alemanha.........................................
d)      Bélgica..............................................
e)      China................................................
f)       Portugal............................................
g)      Brasil................................................
h)      Suécia...............................................
i)        Suíça................................................
j)        Alagoas............................................
k)      Brasília.............................................
l)        Ceará...............................................
m)    João Pessoa ....................................
n)      Boa Esperança ........................................


4.       Informe se os adjetivos a seguir são UNIFORMES ou BIFORMES.
a)      Inteligente ...............................................
b)      verde           ...............................................
c)       esperto       ...............................................
d)      francês        ...............................................
e)      feliz               ...............................................
f)       cearense    ...............................................
g)      perverso     ...............................................
h)      bom              ...............................................
i)        chorão         ............................................

Transcreva a alternativa que apresenta análise ERRADA do termo em destaque.

Dona Francisca deu à sua irmã cinco cachorrinhos; mas só dois deles se salvaram – os três foram raptados ainda pequeninos. A outra irmã de Dona Francisca, Joaquina, morreu subitamente com a notícia.

a)      à sua irmã – objeto indireto
b)      cinco cachorros – objeto direto
c)      subitamente – objeto indireto
d)      com a notícia – adjunto adverbial
e)      Joaquina – aposto

Assinale a alternativa que contém uma oração sem sujeito.
a)      No momento, dói-me muito a cabeça.
b)      Ainda há esperança para muitas pessoas.
c)      A noite chegava lentamente.
d)      Naquele departamento, existiam documentos sigilosos.
e)      Governo dará proteção aos ambientalistas.

O sujeito é simples determinado em:
a)      Havia vários candidatos àquela vaga de motorista.
b)      Vive-se melhor no interior.
c)      Que frio insuportável!
d)      No período eleitoral, veem-se muitas pessoas indecisas.
e)      Google abre inscrições para estágio no Brasil.

Virei soldado naquele ano”; “Saí do cavalo de pau”. Pela ordem, os predicados das orações acima classificam-se como:
a)      nominal e verbal
b)      verbal e nominal
c)      nominal e verbo-nominal
d)      verbo-nominal e verbal
e)      verbal e verbo-nominal

Observe a oração: “...E João deitou cedo...” Assinale a alternativa em que a oração tenha verbo intransitivo.
a)      HU para centro-cirúrgico.
b)      Rio abre licitação para concessão de terminais rodoviários.
c)      Neurociência ajuda terapia de pacientes.
d)      Professores desocupam o Palácio.
e)      Bancário sequestrado em Pernambuco é abandonado em Cabedelo.




Leia o Texto
Assaltos insólitos

Assalto não tem graça nenhuma, mas alguns contados depois, até que são engraçados. É igual a certos incidentes de viagem, que quando acontecem deixam a gente aborrecidíssimo, mas depois, narrados aos amigos numa jantar, passam a ter um sabor de anedota.
Uma vez me contaram de um cidadão que foi assaltado em sua casa.Tem gente que é assaltada na rua, no ônibus, no escritório, até dentro das igrejas e hospitais. O desconforto é o mesmo.
(Affonso Romano Sant’Anna)
Considere as afirmações a seguir:
I.  Em sua 1ª ocorrência no texto, o verbo ter apresenta sujeito simples: assalto.
II. O sujeito de são é implícito.
III. A 3ª pessoa do plural sem sujeito expresso em contaram caracteriza o sujeito indeterminado.
IV. Em sua 2ª ocorrência, o verbo ter possui o sentido de “HAVER” e, na norma culta, pode ser substituído por HÁ.

Das análises citadas, estão corretas:
a)      I, II e IV
b)      I, III e IV
c)      II, III e IV
d)      I, II e III
e)      Todas as alternativas estão corretas.

Nas orações a seguir:
I.  A Polícia Rodoviária Federal prendeu em João Pessoa um homem acusado de aplicar golpes no comércio.
II.  Tu e ele foram vítimas de assalto em Monteiro.
III.  Mantém-se a greve na Paraíba.

O sujeito é, respectivamente:
a) simples – simples – indeterminado
b) simples – composto – simples
c) composto – simples – indeterminado
d) composto – composto – simples
e) simples – indeterminado – simples
Assinale a alternativa que completa corretamente as lacunas com o uso dos porquês.
I.   ....... vocês não viajaram com seus pais?
II.   Não fui à escola .... estou doente.
III.  Não fazem nada contra tanta violência, ....?
IV.  Nem mesmo nós sabemos o ..... de tanta desordem nas ruas.
a)      porquê – porque – por que – por quê
b)      porque – por que – por quê – porquê
c)      porque – porquê – porque – por quê
d)      por que – por que – porquê – por quê
e)      por que – porque – por quê – porquê

Na oração “ esperancenses andam assustados com o calor”, o verbo destacado classifica-se como:
a)      Verbo transitivo direto
b)      Verbo transitivo indireto
c)      Verbo de ligação
d)      Verbo intransitivo
e)      Verbo transitivo direto e indireto

Nas orações a seguir:
I.   Governo concede bolsa aos profissionais da educação.
II.   Mar avança no litoral de São Paulo.
III.  Orla vira academia a céu aberto.

O predicado é respectivamente:
a) verbal – nominal – verbo-nominal
b) nominal – verbo-nominal – verbo-nominal
c) nominal – verbal – verbal
d) verbal – nominal – verbal
e) verbal – verbal – nominal
Assinale a alternativa que contém uma oração sem sujeito.
a)      No momento, dói-me muito a cabeça.
b)      Ainda há esperança para muitas pessoas.
c)      A noite chegava lentamente.
d)      Naquele departamento, existiam documentos sigilosos.
e)      Governo dará proteção aos ambientalistas.
O sujeito é simples determinado em:
a)      Havia vários candidatos àquela vaga de motorista.
b)      Vive-se melhor no interior.
c)      Que frio insuportável!
d)      No período eleitoral, veem-se muitas pessoas indecisas.
e)      Google abre inscrições para estágio no Brasil.

Virei soldado naquele ano”; “Saí do cavalo de pau”. Pela ordem, os predicados das orações acima classificam-se como:
a)      nominal e verbal
b)      verbal e nominal
c)      nominal e verbo-nominal
d)      verbo-nominal e verbal
e)      verbal e verbo-nominal

Observe a oração: “...E João deitou cedo...” Assinale a alternativa em que a oração tenha verbo intransitivo.
a)      HU para centro-cirúrgico.
b)      Rio abre licitação para concessão de terminais rodoviários.
c)      Neurociência ajuda terapia de pacientes.
d)      Professores desocupam o Palácio.
e)      Bancário sequestrado em Pernambuco é abandonado em Boa Esperança.

1. Leia.
- Amanhã você vai para a EMBRAPA com os alunos.
- De foram alguma! É melhor explicar o novo assunto do que levá-los sozinha.

Substituindo “é melhor” por “é preferível” e adequando a frase à norma culta, obtém-se:
a)      É preferível explicar o novo assunto a levá-los sozinha.
b)      É preferível explicar o novo assunto do que levá-los sozinha.
c)      É preferível explicar o novo assunto que levá-los sozinha.
d)      É preferível explicar o novo assunto de que levá-los sozinha.
e)      É preferível explicar o novo assunto a que levá-los sozinha.

2. Escolha a alternativa que completa corretamente, em observância ao regime dos verbos:
1) O governo deve assistir * trabalhadores.
2) O filme musical é o * mais gosto.
3) Os candidatos aspiram * poder.
4) Os adolescentes teimam em desobedecer * pais.
5) Visou * alvo e acertou.

a)      os – que – ao – aos – o
b)      os – de que – ao – aos – o
c)      aos – que – pela – de que – o
d)      os – do que – o – pela – a que
e)      os – que – ao – os – ao

3. Rosana fica apavorada, pois é péssima aluna de Português e redige mal. Isabel nota seu desespero. Faz um sinal de calma para a amiga e põe-se a redigir furiosamente. Passa disfarçadamente a folha escrita para Rosana.

Entre as frases “Isabel põe-se a redigir furiosamente” e “Passa disfarçadamente a folha escrita para Rosana” estabelece-se um vínculo que pode ser corretamente mostrado com o emprego de:
a)      mas
b)      desde que
c)      à proporção que
d)      logo
e)      assim que
4. O termo destacado em “Conforme foi dito na última reunião” é usado para interligar ideias. Que termo a seguir, pode substituí-lo sem alteração no sentido?
a) e
b) quando
c) segundo
d) porém
e) desde




5. “(...) Seríamos, então, grandes tolos por acreditarmos em falsas promessas governamentais.”

É correto que o termo destacado, ENTÃO, no enunciado acima:

a)      Estabelece uma relação de oposição entre o que foi utilizado pelo autor.
b)      Estabelece uma relação de adição entre esse enunciado e o precedente.
c)      Introduz uma ideia de conclusão na argumentação ora desenvolvida.
d)      Introduz uma ideia de finalidade entre os argumentos utilizados pelo autor.
e)      Estabelece uma relação de condição entre o que foi dito pelo autor.
6. Transpondo para a voz passiva a oração “A direção da escola admirava aqueles alunos” obtém-se a forma verbal:

a) foram admirados
b) eram admirados
c) fora admirado
d) tinham admirado
e) é admirado

7. Considere o conjunto de frases para responder à questão abaixo:
I. Naquela padaria vendem-se dezenas de pães diariamente.
II. Doam-se mais alimentos para as vítimas.
III. Todos os dias destroem-se grandes variedades de plantas nativas.
IV. Em algumas regiões brasileiras, trabalha-se muito e ganha-se pouco.
V. Vive-se feliz naquela cidade.

Uma das funções da expressão SE é funcionar como partícula apassivadora. Em quais frases ela exerce essa função?
a)      I – II – III
b)      II – IV – V
c)      III – IV – V
d)      I – III – V
e)      I – IV – V


8. Assinale a alternativa em que o termo destacado não está corretamente classificado.
a)    Vinícius de Moraes nasceu compositor. (predicativo do sujeito)
b)      Não duvides da sabedoria popular. (objeto indireto)
c)  Parte da cidade foi destruída pela enchente. (agente da passiva)
d)      A neve caiu nas cidades do Sul. (objeto indireto)
e)      A cidade cresce rapidamente. (adjunto adverbial)

9. “Surgiram velas e lampiões na escuridão.” Indique a alternativa que classifica corretamente a função sintática e a classe gramatical dos termos destacados.
a)      objeto direto – adjetivo
b)      objeto indireto – substantivo
c)      sujeito – substantivo
d)      sujeito – adjetivo
e)      adjunto adverbial – substantivo

10. Leia a entrevista para responder à questão seguinte.

Um homem me perguntou:
- O que você pensa do mar?
- Uma das maravilhas da criação, eu respondi.
(...)


Em discurso indireto, os dois primeiros versos assumem a seguinte forma:
a)      Um homem me perguntou o que pensaria do mar.
b)      Um homem me perguntou o que eu pensava do mar.
c)      Um homem me perguntou o que você pensa do mar.
d)      Um homem me perguntou o que eu penso do mar.
e)      Um homem me perguntou o que você pensava do mar. 

As orações a seguir não foram escritas de acordo com a língua padrão. Todas contêm erro de regência. Corrija-as.
a) Ele assistia aos enfermos.

b) Não quero assistir esse espetáculo.

c) Carlos sempre assistia o show de Cazuza.

d) Não deixe de assistir o jogo.

e) Aspirou profundamente ao forte cheiro que vinha do canal da avenida Agamenon Magalhães.

f) O fiscal não pode visar ao passaporte.

g) Todos visam uma vida tranquila.

h) O patrão pagou o seu funcionário no final do mês de maio.

i) Aquele menino prefere jogar futebol do que estudar.

j) Todos nós devemos obedecer o regulamento da escola.

Das orações a seguir há erro de regência na seguinte opção:
a)      Todos daquela empresa aspiravam ao cargo de chefia.
b)      O banco não pagou corretamente aos funcionários públicos.
c)      Aquela aluna não obedeceu o diretor.
d)      Geovanne namora Marisa.
e)     O advogado assiste naquela cidade há anos.

As orações a seguir estão na voz ativa. Passe-as para a voz passiva analítica.
a)      O advogado defendeu o réu.
.
b)      A moça escreveu o bilhete.

c)      A mãe da menina encomendaria um bolo delicioso.

d)      Aquele jardineiro estava regando as plantas.

e)      Os filhos herdarão toda a fortuna da família.


f)   Tribunal de contas está julgando contas daquele município.
Passe as orações a seguir para a voz passiva sintética.
a)      A geada queima as plantas.

b)      Sua prima foi encontrada por ele.

c)      O ourives derreteu aquelas joias.

d)      A mulher foi traída por seu olhar.

e)      A mãe acalentou seu bebê nos braços.

f)       A mansão foi assaltada pelos homens.

g)      O torcedor insultava o juiz.
Na voz passiva analítica encontramos o agente da passiva. Destaque-o nas orações que seguem.
a)      A criança foi violentada pelos pais.

b)      As árvores foram arrancadas pelo homem.

c)      As atividades de Português serão respondidas pelos alunos.

d)      A solicitação será entregue por nós.

e)      As avenidas foram lavadas por grandes chuvas.

f)       Joana foi convidada pela aniversariante.


Relacione corretamente.
(a)    O aluno chegou atrasado, mas ainda conseguiu fazer a prova.
(b)   Não fiz a tarefa; logo, o professor não me deu a nota.
(c)    Estudo, trabalho e cuido da família.
(d)   Ou você estuda, ou tirará nota baixa na avaliação.
(e)    Não vim à reunião porque estava chovendo.

(   ) coordenada sindética aditiva
(   ) coordenada sindética explicativa
(   ) coordenada sindética conclusiva
(   ) coordenada sindética adversativa
(   ) coordenada sindética alternativa

Divida as orações e classifique-as em sindéticas ou assindéticas.
a)      A prova elaborada pelo professor estava simples, mas os alunos ainda confundiram as questões.
1ª: 
2ª: .
b)      O menino não fez a prova porque estava doente.
1ª: 
2ª: 
c)      O aluno não fez a atividade; logo, sua nota será abaixo da média.
1ª: 
2ª: 
d)      As senhoras queriam caminhar muito; contudo, o cansaço era maior.
1ª: 
2ª: 
e)      Estude bastante, pois amanhã será o vestibulinho.
1ª: 
2ª: 

Qual das orações a seguir está na voz passiva sintética?
a)      Precisa-se de faxineira.
b)      O rapaz se feriu com o canivete.
c)      Escreveu-se o poema.
d)      O político derrotou seu adversário.
e)      Os cabelos da boneca foram arrancados pela menina.
Na oração “Os ratos faziam a festa na casa abandonada” a função sintática do termo em destaque é:
a)      objeto direto
b)      objeto indireto
c)      agente da passiva
d)      adjunto adverbial

Em “A galinha pôs um ovo de ouro” a função morfológica do termo destacado é:
a)      artigo
b)      adjetivo
c)      substantivo
d)      pronome

Leia o Texto
João e Maria (Chico Buarque / Sivuca)

Agora eu era o herói
E o meu cavalo só falava inglês
A noiva do cowboy
Era você além das outras três
Eu enfrentava os batalhões
Os alemães e seus canhões
Guardava o meu bodoque
ensaiava o rock para as matinês.

Agora eu era o rei
Era o bedel e era também juiz
E pela minha lei
A gente era obrigado a ser feliz
E você era a princesa que eu fiz coroar
E era tão linda de se admirar
Que andava nua pelo meu país.
(...)
1- Responda
a)      Qual o foco narrativo do texto lido?


b)      Transcreva um trecho que confirme a sua resposta.


c)      Mude o foco narrativo da oração “Agora eu era um rei”.


2- A forma verbal ERA presente em diversos trechos do texto pertence a que verbo?


3- A que conjugação pertence o verbo citado na questão anterior?


4- Observe que no texto há várias formas verbais destacadas. Dê o infinitivo de cada uma delas.


5- De acordo com a resposta da questão anterior  conclui-se que esses verbos pertencem à qual conjugação?




Leia o fragmento a seguir.
(...)a vaidade excessiva na infância contribui para que as crianças deixem de viver etapas fundamentais de seu crescimento e comprometem as áreas social e escolar. “Um dos maiores prejuízos é a criança deixar de brincar com atividades que explorem seu desenvolvimento psicomotor – correr, pular, subir em árvores, andar de bicicleta, mexer com tinta, etc – por conta de não se sujar, amassar a roupa ou suar”, aponta Fabiana. Isso é péssimo para sua formação, pois, mais tarde, ela pode se tornar um adulto infantilizado.
Fonte: Mídia Saúde

a)      Qual o tema abordado no texto?

b)      Transcreva um pequeno trecho confirmando a sua resposta.

c)      Por que a autora afirma que, futuramente, as crianças podem se tornar adultos infantilizados?

d)      No texto há alguns verbos que estão no infinitivo. Transcreve três desses verbos, sendo:
um verbo de 1ª conjugação: ..................................................
um verbo de 2ª conjugação: ..................................................
um verbo de 3ª conjugação: ..................................................

e)      Informe qual é o radical e a vogal temática de alguns verbos do texto:
RADICAL               VOGAL                          TEMÁTICA
 contribuir         .......................                        ..............
 deixar               .......................                       ...............
 comprometer    ......................                        ...............

Leia o Texto.
COLAR DE CAROLINA  (Cecília Meireles)
Com seu colar de coral,
Carolina
corre por entre as colunas
da colina.

O colar de Carolina
colore o colo de cal,
torna corada a menina.

E o sol, vendo aquela cor
do colar de Carolina,
põe coroas de coral
nas colunas da colina.
a)      Transcreva do poema acima UM verbo regular.

b)      Dê o infinitivo da forma verbal PÕE e informe a que conjugação pertence.
INFINITIVO: ...........................................
CONJUGAÇÃO: .....................................

c)      A forma verbal COLORE presente na 2ª estrofe do poema, pode ser classificado como:
(    ) regular
(    ) irregular
(    ) abundante
(    ) defectivo
(    ) anômalo

d)      A que forma nominal pertence a forma verbal VENDO presente na 3ª estrofe do poema?

Retire a vogal tônica e a seguir informe se os verbos a seguir são rizotônicos ou arrizotônicos.
a)      Contribuir .........................................................
b)      Falava ..............................................................
c)      Corre ...............................................................
Complete as orações abaixo com o uso dos PORQUÊS.
a)      Houve vários motivos................................... não compareci à reunião.
b)      Não fui à festa ............................... estava meio febril.
c)      Os alunos não responderam às atividades, ...........................?
Texto:
A CAÇADA

Já era noite quando aquele homem e o seu fiel cão saíram para a mata. Buscavam alimentos para sobreviver, já que naquela região a comida estava escassa devido à ação predatória do ser humano contra a natureza. A magreza daqueles dois seres solitários denotavam como levavam uma vida difícil, mas felizmente, nem tudo estava perdido.
O que encontravam e servisse de alimento, levavam. Até que, sem esperar, se depararam com um estranho animal. Assustaram-se muito quando aquele brutamonte abriu sua boca que apareciam os dentes molhados de tanta saliva que escorria pelos cantos, mostrando que a fome era imensa. O homem e o seu cão ficaram encurralados diante aquela fera.
A mata era fechada por grandes árvores que traziam ruídos das plantas e de outros seres que fazia com que o medo aumentasse, mesmo assim, arranjaram forças para lutar contra o animal. A fera foi atingida pela lança que atravessou seu peito, deixando-a imobilizada. Seu grito de dor ecoou por toda a mata e, finalmente, se livraram daquele monstro sanguinário.
Os dois conseguiram arrastar o animal floresta à dentro, transformando-o num belo churrasco, e passaram ainda vários dias se alimentando dele.   (MDSNMayer)
1.      Quais os personagens do texto?

2.      Qual o foco narrativo do texto?

3.      Em que lugar se passou a narrativa?

4.      Quando tudo aconteceu?

5.      Qual é o assunto exposto na narrativa?

6.      Na oração “A fera foi atingida pela lança” qual é o agente da passiva?

7.      Transcreva do 3º parágrafo uma oração que esteja na voz passiva analítica.

8.      Em que voz se encontra a oração “O homem e o seu cão ficaram encurralados”?
9.      Assinale a alternativa que aparece o agente da passiva na oração.
a)   Milhares de pessoas foram atingidas pela violência urbana.
b)      O canto das sereias ecoa do fundo do mar.
c)      Destrói-se grande parte da floresta amazônica.
d)      As ruas foram invadidas na manhã de ontem.
10.  As orações a seguir estão na voz ativa. Passe-as para a voz passiva analítica.
a)      Professor estadual mantém greve.

b) Chuvas fortes desabrigam 5 mil em 17 municípios da Paraíba.

c)      Juiz libertou ex-diretor do FMI.

d)      Seita prevê fim do mundo.

11.  Passe as orações abaixo para a voz passiva sintética.
a)      Os homens cortaram as árvores.

b)      A natureza é destruída pelo ser humano.

c)      Deslizamentos de terra são provocados por fortes chuvas em todo o país.

d)      Adolescentes causam tumulto em show internacional.

e)      Diplomatas foram resgatados no Iêmen por helicóptero.
12.  Qual das orações a seguir contém erro de regência verbal?
a)      Prefiro músicas românticas a rock.
b)      O fiscal não visou o passaporte do passageiro.
c)      Há onze anos assisto em Monteiro.
d)      Os rapazes não assistiram o jogo do Vasco.


13.  Qual das orações a seguir não contém erro de regência verbal?
a) Ontem assistimos a um grande clássico do futebol
b)      Todos nós devemos obedecer o regulamento da escola.
c)      Meus alunos aspiram um bom cargo no futuro.
d)      Esqueceu-se o seu boné na lanchonete.

14.  As orações a seguir foram escritas com erros de regência verbal. Corrija-as.
a)      O médico assistia aos pacientes no Hospital Santa Filomena.

b)      Os alunos não assistiram o espetáculo no Teatro Jansen Filho.

c)      O funcionário daquela empresa aspirou ao ar contaminado.

d)      A empresa não pagou o funcionário.

e)      Prefiro ensinar Português do que Inglês.
15.  Observe os verbos das orações a seguir e informe se eles são TRANSITIVOS DIRETOS, TRANSITIVOS INDIRETOS ou INTRANSITIVOS.
a)      Não lembrei o nome do aluno.

b)      Os professores simpatizaram com aquele projeto pedagógico.

c)      O grupo de estudantes não pôde viajar hoje porque o fiscal não visou os passaportes.

d)      Chegamos ao sítio às 12 horas.

e)      Renata namora Carlos.
Leia o texto
Pra Você Guardei O Amor /      Nando Reis

Pra você guardei o amor
Que nunca soube dar
O amor que tive e vi sem me deixar
Sentir sem conseguir provar
Sem entregar
E repartir
Pra você guardei o amor
Que sempre quis mostrar
O amor que vive em mim vem visitar
Sorrir, vem colorir solar
Vem esquentar. E permitir
Quem acolher o que ele tem e traz
Quem entender o que ele diz
No giz do gesto o jeito pronto
Do piscar dos cílios
Que o convite do silêncio
Exibe em cada olhar
Guardei. Sem ter porque
Nem por razão
Ou coisa outra qualquer
Além de não saber como fazer
Pra ter um jeito meu de me mostrar
Achei. Vendo em você
E explicação. Nenhuma isso requer
Se o coração bater forte e arder
No fogo o gelo vai queimar
(...)
Responda às questões a seguir:

Retire do texto quatro formas verbais e informe em que tempo e modo se encontram.

No primeiro verso do texto há um verbo transitivo direto. Transcreva-o.

A que verbos pertencem as formas verbais TIVE e VI?

Retire do texto três verbos de 2ª e 3ª conjugações.

O verbo COLORIR, presente no 10º verso do texto, é classificado em:
a)      regular
b)      defectivo
c)      abundante
d)     anômalo

Qual o radical e a vogal temática dos verbos abaixo?
a)      guardar
b)      conseguir
c)      acolher              
d)     piscar
e)      bater
f)       queimar
g)      permitir

A que conjugações pertencem os verbos citados na questão anterior?

Transcreva do penúltimo verso dois verbos intransitivos.


Leia o texto:
Comeu                  (Caetano Veloso)

Ela comeu  meu coração
Trincou
Mordeu
Mastigou
Engoliu
Comeu
O meu
Ela comeu meu coração
Mascou
Moeu
Triturou
Deglutiu
Comeu
O meu (...)
Responda.
a)      Quantos e quais são os verbos que aparecem no texto?

b)      Informe o tempo e o modo em que esses verbos se encontram.

c)      Separe os verbos de acordo com a conjugação.
1ª CONJUGAÇÃO        2ª CONJUGAÇÃO              3ª CONJUGAÇÃO
..............................           ...............................                ...............................
..............................           ...............................                ...............................
..............................           ...............................                ...............................
..............................           ...............................                ...............................

Leia este poema:
Passarinho

Eu vi um passarinho
Entre a folhagem do meu jardim,
Pequeno e gorduchinho
Brincando entre as folhas de cetim.

Voa, voa, passarinho,
Numa alegria sem fim
Por entre as folhas de arminho
Brancas como jasmim.        (Vera Beatriz)
a)      Transcreva do poema todas as formas verbais presentes.

b) Qual o infinitivo dos verbos transcritos na alternativa anterior?

c)      A que forma nominal pertence o verbo “brincando”?

d)     Qual o radical dos verbos:
brincar:
voar:
partir:
passar:

Leia o poema:
Naquele bairro afastado
onde em crianças vivias,
a remoer melodias
de uma ternura sem par...
passava todas as tardes
um realejo tristonho
passava como num sonho
um realejo a tocar.
Depois tu partiste
ficou triste
a rua deserta...
Na tarde fria
e calma
ouço ainda o realejo
a tocar.
                                  (Custódio Mesquita)
a)      Transcreva do texto os verbos que pertencem à 2ª conjugação.

b)      Qual o radical desses verbos?

c)      No texto há um verbo que pertence à 1ª conjugação. Qual é esse verbo?

d)     A que conjugação pertence a forma verbal “PARTISTE”?

e)      A que tempo e modo pertencem as formas verbais VIVIAS e PASSAVA?

f)       Qual o radical do verbo OUVIR?



Classifique os verbos a seguir em REGULAR ou IRREGULAR.
a)      beber
b)      entender
c)      dar
d)     querer
e)      cantar
f)       caber
g)      trazer
h)      lavar
i)        partir
Informe se os verbos a seguir são RIZOTÔNICOS ou ARRIZOTÔNICOS.
a)      vivia
b)      disse
c)      telefonei
d)     estive
e)      correria